04/09/2020 às 18:44 Planejamento de Casamento

Como Escolher Um Videomaker Para o Meu Casamento?

521
6min de leitura

Diferente de outros fornecedores como a decoração, o buffet e etc. O seu filme só poderá ser assistido após o seu casamento na entrega dele para vocês.

Dito isso, uma pesquisa cuidadosa e antecipada para conhecer a qualidade e os diferentes estilos artísticos e o quanto você se conectou com o videomaker que você deseja contratar, são extremamente importantes na escolha dele.

O propósito desse post é ajudar você que vai casar a escolher o videomaker que irá produzir o seu filme de casamento com dedicação e qualidade e que irá superar suas expectativas ao te entregar sua obra de arte. Infelizmente ao passar dos anos pessoas que você ama irão se ausentar, vão deixar saudades. Uma coisa que odiamos pensar, mas um fato é, que nossos pais não serão eternos. Ter vídeos com eles nesse dia que é tão importante para todos não tem preçoE para que você possa fazer a melhor escolha, deve se atentar à algumas questões...

1. Pesquise Sobre o Videomaker e Diferentes Estilos.

Pareço redundante ao dizer isso, mas acredito que muitas noivas não pesquisam por videomaker e acabam seguindo apenas a indicação de cerimonialistas ou de amigas próximas, que apesar de ser importante, deve ser avaliada com cuidado.

Como seu gosto pode ser bem diferente, pesquise seu videomaker de casamento por conta própria e contrate o que mais se encaixa dentro do que você deseja.

Comece sua busca no Google e leia comentários de clientes sobre os serviços prestados pelo profissional. Confira suas páginas do Facebook e Instagram também; o feedback dos clientes é bom? Como é que ele responde às críticas que por ventura existam?

Analise cuidadosamente o site dos videomakers para verificar os filmes de outros eventos que ele já filmou, o que lhe dará uma ideia de seu estilo.

O design do site também pode lhe dar pistas sobre a personalidade e sensibilidade do videomaker, afinal o site é a casa/escritório do videomaker na internet.

Existem muitos estilos de filmes de casamentos e você precisa estar certa do que quer, pois o videomaker não irá conseguir transformar seu estilo para te agradar.

Uma busca no Google com os termos vídeo ou filmagem DE CASAMENTO + NOME DE SUA CIDADE irá lhe mostrar os links para o site dos melhores videomakers de sua cidade.

Entre no site de cada um e observe bastante o trabalho deste profissional até encontrar aquele que o estilo, seja ele tradicional, cinematográfico ou documental, te agrade mais!

Veja se você gosta da montagem que ele faz em suas produções , se os efeitos te agradam, se a edição é cuidadosa e principalmente se contam uma história.

2. Estipule um Orçamento Máximo.

Há videomakers que tem um valor mais elevado, pois estudam e aplicam muitas técnicas e linguagens cinematográficas, além de usarem equipamentos de alta qualidade e terem muitos custos com cursos e softwares de edição para criar filmes impactantes e únicos para trazer um filme relevante para seus casais.

Mas também há videomakers com valores mais em conta e que entregam uma qualidade equivalente ao investimento.

O segredo é pesquisar e conhecer o trabalho de cada videomaker de casamento. E tenha em mente que preço e valor não se misturam quando se fala de arte.

R$10mil pode ser considerado um valor baixo pelas memórias mais importantes de sua família, basta você pegar um álbum de família ou um vídeo familiar e dar uma olhada para ver o valor que eles têm.

Os preços podem variar consideravelmente, e você não quer desperdiçar seu tempo agendando reunião com alguém que não está dentro do seu orçamento.

Por outro lado, se o preço é “bom demais para ser verdade”, é provável que esse videomaker não seja um bom profissional ou não tenha uma estrutura adequada para te atender.

A regra de ouro é que o “custo é algo que normalmente pode ser negociado, a qualidade não”.

Filmagem de Casamento

3. Agende uma reunião ou faça uma visita ao seu Videomaker escolhido.

Escolher seu videomaker não é algo que pode ser feito em casa sozinha – você deve conhecer seus potenciais videomakers pessoalmente. Se você gosta do que vê em seu site, seus valores estão dentro do seu orçamento e eles têm a sua data disponível, visite-os ou agende uma reunião.

Se o videomaker já está ocupado em sua data, você pode perguntar se ele pode recomendar um outro amigo com um estilo similar.

Marque reuniões presenciais com pelo menos dois videomakers que estão disponíveis em sua data do casamento para olhar mais de seu trabalho e avaliar suas personalidades.

Esteja preparada para falar sobre o local, o estilo do seu casamento e o que você imagina para o seu filme.

Na reunião, observe a consistência das produções, se são criativos, se a qualidade se mantém ou diminui em diferentes eventos. Consistência é muito importante, analise bem isso!

Veja também se você se sente à vontade e tem afinidade com o artista, pois ele vai te acompanhar durante um bom tempo até o seu grande dia e nada melhor que uma pessoa agradável para estar ao seu lado em um momento tão especial.

4. Questione sobre a equipe do videomaker.

Muitos dos grandes videomakers têm uma equipe que o acompanha em seu casamento, e a menos que você especifique em seu contrato, o videomaker principal que te atraiu e possivelmente te atendeu, pelo seu nome no mercado, pode não estar em seu casamento. O que seria péssimo!

Uma vez que cada profissional tem um estilo, técnica e personalidade diferente, você precisa ter certeza de que o artista que você conversar pessoalmente esteja presente no seu casamento.

Além disso, incluir disposições específicas no contrato sobre quem vai substituir o videomaker se algo acontecer no dia.

Verifique se o profissional tem uma equipe com pelo menos dois videomakers para realizar a cobertura do seu casamento.

Por exemplo, durante o making of da noiva um videomaker poderá acompanha-la enquanto o outro acompanha o noivo isso deixará o seu filme muito mais completo e cheio de surpresas já que você não pode estar em todos os lugares durante o seu casamento e muitos momentos especiais acontecem simultaneamente em lugares diferentes.

Se você está organizando um casamento maior (250 pessoas ou mais), você pode até querer cogitar a possibilidade de ter três videomakers.

5. Tire dúvidas sobre os prazos.

Pergunte sobre os prazos de entrega do material, veja as responsabilidades contratuais que ele se obriga a cumprir.

Verifique se todos os serviços e opcionais que ele prometeu estão descritos no contrato.

6. Compare VALOR, não preço!

Não compare preços dos videomakers até ter certeza do que você quer, que tipo de cobertura você precisa, quais serviços extras você quer.

É importante descobrir o que está incluso no pacote base do videomaker, além do valor base para qualquer extras que você possa querer, como um ensaio pré-casamento, videomakers extras, presente para os pais, para que você tenha critérios e objetivos ao comparar os valores entre dois profissionais de mesmo nível técnico.

Descobrir exatamente quantas horas de cobertura estão incluídas na cobertura também é importante para uma comparação de valores mais precisa.

Após reunir todos esses dados, compare-os e veja o que é mais vantajoso.

Mais uma dica que acho crucial é: JAMAIS ESCOLHA PRINCIPALMENTE PELO PREÇO MAIS BAIXO. Veja o valor do trabalho! Valor e preço têm significados diferentes quando se trata de sua história e de suas lembranças.

A qualidade do trabalho do videomaker e sua empatia com ele são muito mais importantes, confie em mim.

7. Contrate ensaios extras.

Se puder, contrate ensaios, com ele você já se acostuma com o seu videomaker e vice-versa. Além de você deixar o seu filme de casamento ainda mais emocionante.

Isso é de vital importância, pois no dia C não chegará um estranho para registrar uma história de amor, e sim alguém que você já teve pelo menos dois momentos anteriores. Desse modo, as coisas fluirão com mais naturalidade.

Enfim, a escolha de um bom videomaker para seu casamento ou mini wedding, aquele que te fará suspirar ao assistir ao filme, não é nada fácil sem muita pesquisa e observação de detalhes, por isso a dica que resume tudo é: pesquise bastante e escolha o melhor que puder, pois seu casamento é único.

Espero que essas dicas sejam úteis. Se te ajudaram, compartilhe com suas amigas e amigos que irão casar.

Gostou das discas!?

Aqui em nosso site você sempre vai encontrar ótimas dicas que vão te ajudar a casar sem estresse e com estilo.

Ainda não contratou o filme para o seu casamento!? Vamos adorar conhecer a sua história! Solicite agora o seu orçamento abaixo.

Solicite um orçamento para o seu filme aqui ! 👇🏼

Clique no botão abaixo para conhecer os nossos filmes:


04 Set 2020

Como Escolher Um Videomaker Para o Meu Casamento?

Comentar
Facebook
WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Copiar URL

Tags

Filmagem de Casamento filmagem de casamento em sao paulo filme de casamento planejamento de casamento videmaker de casamento vídeo de casamento

Quem viu também curtiu

22 de Out de 2019

15 Coisas Que Não Pode Faltar No Seu Casamento

19 de Nov de 2021

5 Lugares Incríveis Para Casar Ao Ar livre Em São Paulo

04 de Set de 2020

10 Igrejas Mais Procuradas Para se Casar em São Paulo

Olá, solicite o orçamento para o seu Filme de Casamento agora mesmo pelo Whats!
Logo do Whatsapp